Deputada Alessandra Campêlo aponta avanços em balanço do mandato

No primeiro ano do seu segundo mandato, a deputada estadual Alessandra Campêlo (MDB) manteve o alto nível de contribuição na elaboração de leis e propostas que garantem avanços sociais, especialmente em relação aos direitos das mulheres. Acompanhou a liberação de emendas impositivas na capital e interior e viu de perto como os projetos sociais apoiados por ela beneficiam crianças, adolescentes, jovens e adultos.  Como integrante da base governista, apoiou a destinação de recursos para o interior e articulou conquistas para servidores concursados e terceirizados, com foco na melhoria do atendimento e da continuidade dos serviços ofertados à população. 

Empenhada na pauta da mulher, a deputada viu 15 iniciativas suas se transformarem em leis. Alessandra aprovou projetos que combatem o machismo, o feminicídio, a importunação sexual, a violência obstétrica e todas as formas de opressão. Além disso, emplacou leis que incentivam a participação da mulher na política e ampliam as possibilidades de ingressarem na vida pública com todos os direitos assegurados, tendo como base a Constituição Federal e os tratados internacionais.

A luta de Alessandra ganhou notoriedade no País. A deputada é secretária nacional de Mulheres da Unale e contribuiu com a elaboração de propostas de combate à violência contra a mulher durante a 23ª Conferência Nacional da entidade. Alessandra também esteve na primeira reunião da Frente Parlamentar em Combate à Violência Contra a Mulher, ao Feminicídio e aos Relacionamentos Abusivos, na Assembleia Legislativa de São Paulo, com o tema “políticas de acolhimento a vítimas e seus familiares”.

 

Segurança Pública

Alessandra é ouvida pelo governador Wilson Lima (PSC) e pelo vice-governador Carlos Almeida Filho (PRTB) e tem colaborado com conquistas relevantes. Na Segurança Pública, 3.747 policiais militares – praças e oficiais – foram promovidos em 2019. Houve também a entrega de novos equipamentos (fuzis, escudos, bombas de gás de efeito moral, balas de borracha, munição letal e não letal) para a PM, Polícia Civil e Secretaria de Administração Penitenciária.

Na Assembleia, Alessandra trabalha pelo cumprimento dos acordos que garantem melhorias para a Polícia Civil e os Bombeiros Militares. A deputada atua junto ao Executivo pela viabilização da lei de cursos da PM e está decidida a resolver definitivamente a questão do porte de arma do policial militar.

“Tudo isso está acontecendo exatamente porque o Governo está cortando gastos, cumprindo os compromissos e trabalhando para dar melhores condições de trabalho aos servidores públicos. E não só isso: o Governo está trabalhando para dar melhores condições de vida para a população, que foi muito mal tratada nos últimos anos”, diz a deputada.

 

Saúde

Nesse primeiro ano do seu segundo mandato, a deputada sempre esteve ao lado dos trabalhadores da saúde. Cobrou pagamento em dia para os terceirizados e votou a favor do projeto que vai diminuir a terceirização e acabar com os atrasos dos salários de técnicos de enfermagem, enfermeiros, maqueiros, motoristas, serviços gerais, administrativos e outros profissionais essenciais para o funcionamento de hospitais, maternidades, clínicas e SPAs.

A contratação direta de técnicos de enfermagem, que até então prestam serviços ao Governo por meio de empresas terceirizadas, começa em janeiro, abrindo 3 mil vagas e gerando uma economia de 30% aos cofres públicos. Esses trabalhadores também terão aumento no valor que recebem por plantão.

A saúde do interior também recebeu atenção de Alessandra, que ajudou no projeto do Governo que está distribuindo um total de R$ 87,5 milhões aos 61 municípios. É o repasse do Fundo de Fomento, Turismo, Infraestrutura, Serviços e Interiorização do Desenvolvimento do Amazonas (FTI). Os recursos estão sendo utilizados pelas prefeituras para custeio e compra de medicamentos e equipamentos, além de reformas que servirão para ampliar o atendimento aos usuários.

 

Educação

Em 2019, Alessandra apresentou emendas para reforma e construção de escolas, lutando ainda pela valorização dos professores e professoras, e demais profissionais da Educação, como merendeiras, psicólogos, serviços gerais, vigilantes e administrativos. A deputada fiscalizou a oferta de merenda e transporte escolar, principalmente nos municípios mais distantes.

A parlamentar também incentivou o Governo no processo de aquisição de produtos orgânicos no Programa de Regionalização da Merenda Escolar (Preme), que ampliou a adesão de produtores rurais no Estado.

Juta e Malva

Bandeira de Alessandra desde 2015, o pagamento da subvenção da juta e malva foi outra vitória. No total, o Governo já pagou mais de R$ 5,7 milhões em 2019, abrindo novas perspectivas econômicas e sociais para centenas de famílias que trabalham na cadeia produtiva da fibra vegetal juta e da planta malva.

 

Esportes

Com base forte no esporte, a deputada segue como a voz dos atletas, paratletas e federações na Aleam e trabalha intermediando o apoio do Governo para esse segmento. Alessandra incentiva também projetos sociais em bairros e comunidades da capital amazonense, por meio de ajuda direta ou emendas parlamentares. Trabalho que faz a diferença na formação de crianças, adolescentes e jovens, além de transformar talentos em medalhas de ouro, prata e bronze.

Gabinete da Deputada Alessandra Campêlo (MDB)