Consultoria online e gratuita auxilia empreendedores a superar momento de crise

Aos interessados, basta ligar 0800 570 0800, solicitar o serviço e agendar a data de realização da consultoria.       

Para auxiliar os empreendedores do Amazonas neste momento crítico da economia, o Sebrae no Amazonas continua oferecendo o serviço gratuito de consultorias online, por meio da qual o empreendedor recebe orientações, dicas e direcionamento para melhorar a gestão de sua empresa.

O serviço está disponível de segunda-feira a sexta-feira, das 8h às 17h e deve ser solicitado pelo próprio empreendedor, ligando para a Central de Atendimento e Relacionamento com o Cliente do Sebrae/AM  0800 570 0800.

Cada consultoria tem duração mínima de uma hora e máxima de quatro horas. Nesse intervalo, o consultor busca fazer um diagnóstico empresarial, a partir do qual se discute e faz sugestões para melhorias de processos e adoção de novas atitudes que possam mostrar como o empresário pode atingir suas metas.

Segundo a gerente de atendimento e relacionamento com o cliente do Sebrae/AM, Helena Garcia, a Instituição disponibiliza, diariamente, um total de 12 consultores. Os atendimentos são realizados pelo Wattsapp, por ligação telefônica, Google Meets, e-mails ou ainda pela plataforma Teams.

“Sabemos que há muitos empreendedores que anseiam por orientação neste momento e muitos estão sem condições financeiras de contratar um apoio especializado. Por isso, nós do Sebrae, oferecemos essas oportunidade de consultoria online gratuita e fácil de acessar”, destaca Helena Garcia.

Cursos sem sair de cada

Outra oportunidade ofertada gratuitamente pelo Sebrae são os cursos disponíveis no endereço www.sebrae.com.br/cursosonline. Neste canal, o empreendedor tem a oportunidade de escolher um curso que melhor atenda suas necessidades de conhecimento e que possa ser aplicado na empresa.

Os cursos tem cargas horárias variadas e, em todos os treinamentos, o participante recebe certificado de conclusão. Entre os cursos de destaque, estão “Como vender pela internet na crise do Corona Vírus”, “Gestão Financeira”, “Boas práticas nos serviços de alimentação”, entre outros.