Até Breve, Pop!

O legado do Pop da Selva por Keynes Breves

Estamos incompletos! Foram quase 30 anos de parceria com o Movimento Marujada. Foram anos de fortes emoções e muitas histórias.


Quem não se lembra da festa do tricampeonato na TV Lândia, em 1996?
E agora, quem será o apresentador do nosso Bar do Boizinho? Festa que você tanto cuidava e gostava de participar. Além de ídolo, você foi o nosso maior incentivador artístico. Nos ajudou a levantar a bandeira do Festival Folclórico de Parintins, história que nos deixa muito orgulhosos. São tantas lembranças que, para nós, do Movimento Marujada, fica muito difícil enumerá-las.

Trabalhar e produzir você, ao longo desses anos todos, deixa o nosso currículo marcado! Eu fui muito feliz com o último trabalho que fizemos juntos. Foi uma honra produzir “O Boi dá Samba”, que levamos pra Parintins, lugar onde você começou a carreira no boi. A honra maior foi saber que você descartou algumas propostas e acreditou no meu trabalho, em parceria com a Andrea Duarte. Trabalho esse que me deixou muito orgulhoso por estar ao lado de um ídolo.

Tive a oportunidade de acompanhá-lo na missa, no dia 16 de junho de 2019, onde foi feita a homenagem na catedral Nossa Senhora do Carmo, com a presença das diretorias dos dois bois que, em oração, artistas de Caprichoso e Garantido, pediram pela sua saúde. Foi um momento mágico, que vou guardar para sempre. Eu marquei a data da realização do “Boi dá Samba”, justamente nesse dia, um mês antes da Festa de Nossa Senhora do Carmo, para que você pudesse receber as bênçãos da Santa e participar desse momento que é muito bonito em Parintins.

Presenciei o surgimento de um ícone! Presenciei a explosão de um ritmo! Presenciei o Sul e o Sudeste do Brasil se encantar com a nossa identidade cultural. Que currículo, Arlindo! Que história de vida!

Estamos incompletos! Ficaremos assim! Mas certos de que, a partir de agora, temos que continuar o trabalho que você nos ajudou a fortalecer. A partir de agora, é nosso dever passar para os nossos filhos e netos o teu legado. Apresentar a tua história. Mostrar quem foi o Pop da Selva! E, com certeza, essa missão será muito prazerosa. Você se tornou ídolo do nosso Caprichoso, mas deixou esse plano sendo o ícone do Festival Folclórico de Parintins, amado e respeitado pelas duas nações.

Idaleia, Mariano (Marujada), Valdo, Neuzinha, Vaneide, Taylor, Careca, Hemerson Pereira, Cacá e Alfredo Júnior, todos sócios do Movimento Marujada, associação da qual você sempre foi sócio, estão com certeza te esperando para começarem a preparar a primeira temporada com sua presença.

Senhoras e senhores…com vocês, o nosso Eterno Pop da Selva, Arlindo Júnior.