Receita Federal no Aeroporto de Manaus agiliza o despacho aduaneiro de máscaras de proteção facial

No dia 08/05/2020, a Alfândega no Aeroporto Internacional Eduardo Gomes garantiu que uma carga contendo 100.000 (cem mil) máscaras de proteção facial fosse desembaraçada de forma ágil e simplificada.

A carga, procedente da China, foi liberada menos de 4 horas após o registro da Declaração de Importação. De acordo com informações da empresa importadora, as máscaras foram importadas para atender demanda da Secretaria de Saúde do Estado do Acre e de estabelecimentos comerciais da cidade de Manaus.

A Instrução Normativa da Receita Federal de nº 1.927, publicada em 18 de março de 2020, prevê que diversos produtos necessários para auxiliar no combate à pandemia causada pelo coronavírus deverão ter tratamento prioritário e maior celeridade no trâmite aduaneiro.

O despacho prioritário e simplificado, que garanta o abastecimento de bens, mercadorias e matérias-primas à população, neste momento, representa o empenho da Receita Federal na preservação da saúde e na proteção da sociedade.